26 de ago de 2015

Bons Tempos

A gente sempre volta a escrever porque sabe que escondido em algum lugar há alguém que se interesse em ler.

Tenho tantas ideias em mente para dividir, desabafar, até gritar.

Mas o que quero de verdade é falar sobre bons tempos e o que eles podem trazer. E não pense em bons tempos como períodos da vida em que tudo está lindamente perfeito como você sonha, e, você é extremamente feliz, pense em bons tempos como aqueles momentos em que não se vê a menor chance de algo dá certo e alguém está ali só pra te dar a segurança de estar ao seu lado PARA QUALQUER circunstância.

Imagem: reprodução

Vamos lá, pense no que sente nos momentos de maior tristeza e/ou angustia, que num primeiro instante parece ser única e exclusivamente seu e o mundo parece que vai se partir em milhares de pedaços sobre sua cabeça e daí você sente o alivio de alguém dizendo: "ei eu tô aqui viu?!". 

Esses também são os bons tempos, tempos de companhia, de cuidado, de carinho, afinal o tempo bom só acontece por termos boas pessoas ao nosso redor para torná-los realidade.

A vida muitas vezes nos atrás, através de escolhas impensadas, duras consequências, e, sempre tive pra mim que consequências não têm prazo de validade, além de na maioria das situações serem mais intransigentes do que esperávamos. Porém observando o efeito cascata que nossas escolhas e atitudes podem ter em todas as áreas das nossa vida percebi que mesmo quando nada mais tem indicativos de que pode dar certo o universo encontra uma forma, e muitas vezes através de alguém, de dar aquela forcinha pra não deixar a gente desistir.

Porque a gente só resiste a longos períodos de escuridão se já tiver conhecido as cores e ainda souber quanta beleza a luz oferece a cada uma delas.

E essa 'forcinha' que é nossa colher de chá, nosso respiro muitas vezes vem em forma de alguém que muda completamente sua rotina, que te motiva, te inspira, te impulsiona pra frente e te da aquele sacode para cima que é o nosso tempo bom e que vem em forma de alguém que faz toda a diferença.

Pelo menos pra mim tem sido. 

Um baita presente de ano novo que topa tudo e encara qualquer parada pra garantir que saiam boas risadas, mesmo que de uma alma já bem cansada. Alguém que seja dia, noite, madrugada, com chuva, sol, céu nublado, cinza, azul, com ou sem nuvens, com ou sem estrelas é sempre um pote de tinta mega colorido por uma alegria que não tem fim e com uma cor que se fixa através da certeza de que o que há de bom nas pessoas é superior a qualquer 'defeito'.

Alguém que é SEMPRE feliz por ter a certeza de que a vida é um eterno aprendizado em cada detalhe e que mesmo nos momentos difíceis existe algo bom. Alguém que me ensinou que amor é escolha - até mesmo o amor de mãe - e que posso escolher ter amor onde e por quem eu quiser amar de verdade. Que mesmo quando a vontade de desistir dessa vida chata e sem cor parecer ser muito mais forte que as lembranças de como as cores são lindas não me permite esquecer que há um tempo bom separado pra quem se dispõe a vivê-lo.

Obrigada por ser meu tempo bom!


"O tempo bom existe sim ele sorri, pra quem quiser viver
O bom momento vai estar pra sempre na sua mente
Basta lembra pra vida ficar diferente

Você não vai desistir de viver, vai

Não vai parar e deixar tudo para tras, vai
Não vai perder,vai
Desanimar, vai
Enlouquecer e esquecer do seu projeto que tanto corre atrás
Não, você não vai. Haja o que houver não desista
Seu bom momento pode estar dançando do seu lado da pista
Então dance com a vida, pra que seu bom momento exista..."





Beijos, Sther! ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário