16 de nov de 2011

Belo Monte - Opinião - A minha está em fase de conclusão e a sua?

Sei que estou atrasada com esse conteúdo, porque ele saiu na Época a um bom tempo, mas como ainda não fechei minha opinião a respeito, e ainda estou em fase de pesquisa, pra não falar bobagem, ainda vou demorar a colocar minhas considerações por aqui. Mas enquanto isso não acontece, deixo pra vocês a parte que mais me chamou atenção na entrevista do professor da USP Célio Bermann à jornalista Eliane Brum.

 [...] Não se trata de construir uma usina para produzir energia elétrica. Uma vez construída, alguém vai precisar produzir energia elétrica, mas não é para isso que Belo Monte está sendo construída. O que está em jogo é a utilização do dinheiro público e especialmente o espaço de cinco, seis anos em que o empreendimento será construído. É neste momento que se fatura. É na construção o momento onde corre o dinheiro. É quando prefeitos, vereadores, governadores são comprados e essa situação é mantida. Estou sendo muito claro ao expor a minha percepção do que é uma usina hidrelétrica como Belo Monte. [...]
Célio Bermann

Vale à pena conferir o texto todo.

E mais uma informação o movimento "Gota D'Água" vejam, pensem, reflitam e passe adiante.

Carol Castro, Juliana Paes, Marcos Palmeira, Isis Valverde, Eriberto Leão, Ingrid Guimarães, Letícia Sabatella, Malvino Salvador e outros artistas se uniram para uma causa nobre: o movimento “Gota D'Água”, que visa discutir a polêmica construção da hidrelétrica de Belo Monte, no Estado do Pará.

Com direção de Marcos Prado e o apoio das organizações “Movimento Xingu Vivo para Sempre” e “Movimento Humanos Direitos”, o vídeo foi gravado nos dias 23 e 24 de outubro, no Rio de Janeiro. Dispostos a chamar atenção para a causa, Maitê Proença chegar a tirar o sutiã e Sergio Marone banca o conquistador no vídeo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário